728x90 AdSpace

  • Últimas Notícias

    Tecnologia do Blogger.
    segunda-feira, abril 4

    Mulherzinha run

    Tinha uma curiosidade quase mórbida de fazer uma corrida "só para mulheres". Mesmo detestando ficar no meio de muitas. Então... fiz. E achei uma merda. Ah, tudo rosinha, lilasinho, que saco, viu. Aquele bando de mulher pululando, gritando, falando fino... às 7h30 da manhã! Haja saco. Se eu fosse homem seria viado. E Madame Satã que se cuidasse, porque eu seria brabo. Fecha parênteses.

    O desespero começa de véspera. Tem que buscar o kit no tal do day care. É legal negócio de massagem corporal, alongamento, massagem nos pés, aulas de pilates, spinning, ABS. Mas fazer cabelo pra corrida já é um pouco demais pra minha cabeça. O que acontece é um banso de mulher com tranças. Imagina se eu vou ficar mais de meia hora numa fila para ficar cinco minutos na cadeira de um cabeleireiro pouco criativo que me deixaria a cara da Cristiana Oliveira numa das piores fases de sua vida. Tô fora!

    É uma coisa bem boba. Principalmente para mulheres pouco frescas e um tanto toscas.

    Enfim, valeu pela experiência. E pela corrida com uma chuvinha, a primeira na minha vida de atleta. Fiz os 8k em 56:42 passeando, sem forçar nadinha, com a frequência cardíaca em 83%. Mesmo assim o joelho estranhou e está meio inchado hoje.

    Ok, ok. É mais uma camisa. E a medalha é bonitinha.

    Esperemos a próxima corrida. A de verdade!
    • Blogger Comments
    • Facebook Comments

    0 comentários:

    Item Reviewed: Mulherzinha run Rating: 5 Reviewed By: Débora Thomé
    Scroll to Top